fbpx

Com a Palavra: Juliana de Paula Costa, Pisar Nesse Chão Devagarinho (vídeo)

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Neste Com a Palavra, gente que faz a diferença convidamos Juliana de Paula Costa, pedagoga e uma das criadoras do Pisar Nesse Chão Devagarinho, um projeto em educação antirracista e afro-educação extremamente importante que fomenta a consciência racial, acolhendo crianças e educadores negros.

O Pisar Nesse Chão coordena ações de consultoria e assessoria para escolas e instituições interessadas em promover relações raciais de qualidade e promoção das leis 10.639/03 e 11.645/08 que tornam obrigatório ensino da cultura e história afro-brasileira, africana, e indígena nos currículos de todas as escola do país.

Atuando também com os adultos, conta com uma equipe de colaboradoras majoritariamente formada por mulheres negras em uma perspectiva multidisciplinar que além de desenvolver ações para instituições promove ações para adultos interessados, como o “ciclo de encontros para uma consciência racial ativa” e curso teórico-vivencial que promove aprofundamento na práxis antirracista. No trabalho com crianças, levam histórias afrocentradas com uma visão pautada na pedagogia da ancestralidade.

De acordo com Juliana, o projeto busca não só trazer uma prática ativa e reflexiva da educação antirracista, mas também um olhar que acolhe as crianças negras, fortalecendo assim sua autoestima, sua ancestralidade, entendendo que o corpo de educadoras negras em contato com o corpo de crianças negras, transmite muitos saberes, ultrapassando o discurso teórico.

Entre as ações desenvolvidas pelo projeto, está a criação dos “balaios de cafuné”, uma parceria com a Rede Nóis por Nóis, que cria uma plataforma de conteúdo de autocuidado para crianças negras e periféricas e prepara kits com materiais lúdicos, afetivos e afrocentrados para as infâncias pretas.    

Siga no instagram: @pisarnessechao

ASSISTA:

Com A Palavra é uma série da Casa Natura Musical sobre gente que faz a diferença. Nesse projeto, para além da música, que é nosso assunto principal, a gente convida criadores de conteúdos e ações relevantes, que se inspiram em suas próprias vivências para produzir vídeos, literatura, música e arte. Nosso intuito é inspirar você que acompanha a gente e também construir uma rede de apoio mútuo entre a nossa Casa e as pessoas que estão realizando trabalhos e ações expressivos que valem a pena serem vistos e compartilhados.

#NosEncontramosNaMúsica

+ comunicado importante

A hora do reencontro tá chegando! 🧡 Para que o nosso retorno aconteça da maneira mais segura possível, vamos precisar da colaboração de cada um de vocês. Somente com muito cuidado e responsabilidade coletiva, poderemos voltar a nos encontrar na música.

Venha pra Casa com seu comprovante de vacina atualizado e de máscara PFF2, N95 ou cirúrgica. Se estiver com sintomas, ainda que leves, perto da data do show, deixe pra vir nos visitar outro dia.

Seguindo as recomendações das autoridades de saúde, montamos um guia com os principais protocolos que usaremos para receber vocês nos shows na Casa a partir de 2 de fevereiro.

👉 PROTOCOLOS

1º) Comprovante de vacinação atualizado com no mínimo duas doses


Pode ser físico ou virtual. O importante é que esteja em dia. Se atente à data da sua 3ª dose no site www.vacinaja.sp.gov.br ou no canal de comunicação da prefeitura da sua cidade.

2º) Uso de máscara durante a permanência na Casa

Obrigatório. E a entrada só será permitida com máscaras N-95/PFF2 sem filtro ou máscaras cirúrgicas. Máscaras de pano, de plástico, bandanas e outros adereços semelhantes não serão aceitos.

*Importante: Por sermos um local majoritariamente fechado, a retirada da máscara só será permitida para o consumo pontual de bebidas. Não haverá comidinhas na Casa.

3º) Lotação reduzida

Estamos disponibilizando menos ingressos à venda, para aumentar o distanciamento social e garantir uma noite mais segura.

4°) Artistas e equipes previamente testades

E toda a equipe trabalhará com máscaras N-95/PFF2, com exceção des artistas que estarão se apresentando.

5°) Circulação reduzida nos bastidores

Somente as equipes autorizadas poderão circular nos bastidores da Casa.

Não se preocupe: Haverá pessoas instruindo e fiscalizando os protocolos durante a sua permanência na Casa.

Importante: Se você tiver ingresso e apresentar sintomas de COVID-19, ainda que leves, ou tiver tido contato recente com alguém que testou positivo próximo à data do show, orientamos a não comparecer e a contatar o nosso atendimento via e-mail para mais informações.

Cuidem-se!