fbpx

Editorial: Nada Pode Nos Parar

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email
Arte: Zeca Bral

Parece ironia ou paradoxo que a gente tenha escolhido como tema para o mês de abril de 2021 a frase “Nada pode nos parar”. Estamos há mais de um ano com a Casa fechada, sem fazer shows presenciais e com nossa equipe praticamente inteira trabalhando de home-office. Mas continuamos aqui, com a nossa missão: a de construir um mundo mais bonito, conectando música e pessoas.

Ao mesmo tempo, estamos vendo, dia após dia, outras casas de shows e espaços culturais, como a Casa de Francisca, a Casa do Mancha, o Ó do Borogodó, o Unimed Hall e tantos outros, fecharem as portas ou anunciarem campanhas de financiamento coletivo para tentarem se manter abertas. Esse texto é um aceno de solidariedade a nossos colegas do setor cultural que perderam seus empregos ou foram obrigados a trocar de ramo para sobreviver. Cada casa de show, cada espaço cultural que se fecha, é uma perda enorme e inestimável para todos nós.
Também é um aceno a todos os artistas que também estão há mais de um ano sem fazer shows, seu principal instrumento de trabalho. Torcemos para que vocês continuem fortes e criando, apesar de todas as adversidades. Só a arte pode nos salvar. E, como a classe artística sempre demonstrou em vários momentos da história, pode-se até parar o artista, mas não se consegue parar a sua arte.

A frase do mês é uma paráfrase do título de um disco de um dos nossos convidados da live #Afetos de abril, Marcelo D2, que no dia 8, recebe Kiko Dinucci para falar de arte, música como ato político, o fazer musical e as novas plataformas e mais. Convidamos também outros artistas que se destacaram em 2020, criando e experimentando com os novos meios, como Mahmundi e Filipe Toca (01/04), Mart’nália e Paulinho Moska (15/04), Kaê Guajajara e Edivan Fulni-ô (22/04)  e Daniel Ganjaman e André Abujamra (29/04), que refletem sobre as dificuldades que os artistas e profissionais da música estão enfrentando depois de um ano sem shows e como tá sendo a adaptação a esses novos tempos.  

As lives do Afetos acontecem todas as quintas-feiras, às 19h,  no Instagram da Casa.


#NosEncontramosNaMúsica ontem, hoje e sempre.

+ comunicado importante

A hora do reencontro tá chegando! 🧡 Para que o nosso retorno aconteça da maneira mais segura possível, vamos precisar da colaboração de cada um de vocês. Somente com muito cuidado e responsabilidade coletiva, poderemos voltar a nos encontrar na música.

Venha pra Casa com seu comprovante de vacina atualizado e de máscara PFF2, N95 ou cirúrgica. Se estiver com sintomas, ainda que leves, perto da data do show, deixe pra vir nos visitar outro dia.

Seguindo as recomendações das autoridades de saúde, montamos um guia com os principais protocolos que usaremos para receber vocês nos shows na Casa a partir de 2 de fevereiro.

👉 PROTOCOLOS

1º) Comprovante de vacinação atualizado com no mínimo duas doses


Pode ser físico ou virtual. O importante é que esteja em dia. Se atente à data da sua 3ª dose no site www.vacinaja.sp.gov.br ou no canal de comunicação da prefeitura da sua cidade.

2º) Uso de máscara durante a permanência na Casa

Obrigatório. E a entrada só será permitida com máscaras N-95/PFF2 sem filtro ou máscaras cirúrgicas. Máscaras de pano, de plástico, bandanas e outros adereços semelhantes não serão aceitos.

*Importante: Por sermos um local majoritariamente fechado, a retirada da máscara só será permitida para o consumo pontual de bebidas. Não haverá comidinhas na Casa.

3º) Lotação reduzida

Estamos disponibilizando menos ingressos à venda, para aumentar o distanciamento social e garantir uma noite mais segura.

4°) Artistas e equipes previamente testades

E toda a equipe trabalhará com máscaras N-95/PFF2, com exceção des artistas que estarão se apresentando.

5°) Circulação reduzida nos bastidores

Somente as equipes autorizadas poderão circular nos bastidores da Casa.

Não se preocupe: Haverá pessoas instruindo e fiscalizando os protocolos durante a sua permanência na Casa.

Importante: Se você tiver ingresso e apresentar sintomas de COVID-19, ainda que leves, ou tiver tido contato recente com alguém que testou positivo próximo à data do show, orientamos a não comparecer e a contatar o nosso atendimento via e-mail para mais informações.

Cuidem-se!